Terça-Feira, 23 de Janeiro de 2018, 17h:59

Tamanho do texto A - A+

Juiz autoriza Arcanjo a pagar fiança de R$ 80 mil em quatro parcelas

Por: JESSICA BACHEGA

O juiz João Moreira Pessoa de Azambuja, da Quinta Vara Federal de Mato Grosso, atendeu ao pedido da defesa do ex-bicheiro João Arcanjo Ribeiro e autorizou que a fiança de R$ 80 mil seja dividida em quatro vezes. O valor é de referência de uma medida cautelar à prisão, concedida ao preso para que não fique detido por força de uma ação, no qual é acusado de crimes financeiros envolvendo a Confiança Factoring.

 

Assessoria / TJMT

arcanjo condenado - julgamento

 

A medida foi determinada no fim do ano passado e com a autorização de parcelamento, o valor começa a ser pago dia 20 de fevereiro. Caso o pagamento não seja honrado, a cautelar é suspensa e Arcanjo pode ser preso por essa acusação.

 

Esta era uma das ações que mantinham Arcanjo na cadeia, com a fiança ele pode responder ao processo em liberdade. A defesa do preso conseguiu derrubar outros 18 pedidos de prisão contra o detento. Eles eram oriundos da Sétima Vara Criminal e foram revogados na semana passada, pois não foram encaminhados para o Brasil depois que Arcanjo foi trazido do Uruguai, onde foi preso em 2003 a primeira fase da Operação Arca de Noé.

 

Além da fiança, o juiz determinou o comparecimento mensal para comprovação das atividades, recolhimento noturno e uso de tornozeleira eletrônica.

 

Com as revogações das prisões, Arcanjo pode ser solto ainda no início desse ano. São favoráveis a ele a idade avançada e aprovação em exame psicológico. 

 

Leia também

Justiça revoga mandados de prisão contra Arcanjo e ex-comendador pode ser solto

Avalie esta matéria: Gostei +1 | Não gostei

Leia mais sobre este assunto