Terça-Feira, 01 de Outubro de 2019, 10h:17

Tamanho do texto A - A+

Laudo de necropsia aponta que jornalista morreu de traumatismo craniano

Por: LUIS VINICIUS

O exame de necropsia, realizado pela Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), apontou que o jornalista e escritor Marcelo Leite Ferraz, 38 anos, morreu de traumatismo crânio encefálico. A informação foi confirmada pela assessoria de imprensa do órgão na manhã desta terça-feira (1) ao HNT / HiperNotícias.

marcelo jornalista.jpg

Marcelo era escritor, jornalista e bacharel em Direito

O laudo apontou que o comunicador, que foi encontrado em um terreno baldio, no bairro Bosque da Saúde, em Cuiabá, sofreu diversas lesões na região da cabeça cometidas por um objeto contundente, ainda não identificado.

De acordo com o delegado Fausto Freitas, da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), que investiga o caso, ao lado do corpo do escritor foram encontradas algumas pedras. Diante disso, a principal hipótese levantada pela autoridade policial é que Marcelo tenho sido morto a pedradas.

Até o momento, a Polícia Civil ainda não identificou nenhum suspeito que possa ter cometido o crime, pois Marcelo foi encontrado em um local abandonado frequentado por usuários de drogas e moradores de rua. O delegado tenta desvendar qual foi a motivação do crime.

Segundo informações da Polícia Civil, Marcelo saiu na noite de sábado (28) e disse aos pais que iria encontrar com amigos na Praça da Mandioca, localizada na região Central da Capital e que não deu mais informações.

O pai do comunicador disse que no dia seguinte chegou a falar com amigos de Marcelo que negaram a presença do mesmo no ponto de entretenimento. O fato chamou atenção dos familiares, que procuraram o Núcleo de Desaparecidos da Polícia Civil na segunda-feira (30) para fazer a denúncia do desaparecimento.

Poucas horas depois, um morador de rua entrou em contato com a Polícia Militar dizendo que havia um corpo de um homem em um terreno baldio. Rapidamente, policiais da DHPP foram ao local e constataram que se tratava de Marcelo.

O caso continua sendo investigado.

 

Leia mais

 

Corpo de jornalista é encontrado por morador de rua em terreno baldio

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei - 1